Relação líder e liderado – Uma via de mão dupla


Como líder, que tipo de suporte você tem dado ao desenvolvimento efetivo dos profissionais sob sua tutela? Com certeza esta é uma excelente reflexão a fazer, afinal hoje, mais do que nunca, os profissionais querem poder contar com o apoio de suas lideranças no processo de crescimento e ascensão na carreira, de forma rápida.
Esta relação profissional confere benefícios para os dois lados, uma vez que ao desenvolver seus liderados, o líder forma uma equipe mais qualificada, potencializa o trabalho individual e em equipe, compartilha experiências e torna suas ações mais assertivas. Deste modo, consegue melhores resultados, como também retém seus melhores colaboradores.

Para o liderado, ter o apoio do gestor proporciona motivação para o trabalho, visão de futuro, oportunidades claras de desenvolver suas competências, ideias, habilidades técnicas e comportamentais e de alcançar plenamente o sucesso profissional. Este apoio do líder é ainda mais fundamental quando o colaborador está iniciando no mercado de trabalho e ainda não sabe para qual área direcionará sua carreira.
Isso se dá porque geralmente um jovem profissional não conhece a fundo e, na prática, as exigências das empresas para sua profissão ou cargo pretendido. Assim, neste momento, o líder é para ele uma inspiração e deve atuar como professor; guia e mentor e ajudá-lo neste processo de inserção no mercado.
Assim, se faz cada vez mais importante que tantos os gestores como os colaboradores entendam o papel de cada um no processo de desenvolvimento um do outro. Esta é uma relação de interdependência que não pode ser negada, e que deve ser mantida de forma madura, coesa, através do respeito mútuo e do entendimento da importância da participação de todas as partes no alcance de resultados para todos.
Como líder, os gestores devem estar atentos ao que estão oferecendo aos seus liderados e, a se realmente estão desenvolvendo seus profissionais. Já o colaborador, deve sim buscar do líder o suporte, mas também fazer um autogerenciamento de sua carreira, afinal, ele sempre é o maior beneficiado quando busca evolução contínua. Fiquem atentos e boa sorte!
Por José Roberto Marques para o RH.com.br 


Mantenha-se informado. Receba as postagens grátis!: Clique aqui e assine.

Você gostou deste artigo? Compartilhe:
TwitterDeliciousFacebookDiggStumbleuponFavoritesMore

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | coupon codes